Conheça a praticidade dos imóveis compactos

O conceito de ter uma boa moradia mudou muito nos últimos anos. Antes, era entendido que quanto maior o imóvel, maior o conforto em se viver nele. Hoje em dia, existem outros modelos de moradias que atendem muito bem esse objetivo. Com plantas funcionais, imóveis compactos ganham cada vez mais espaço no mercado imobiliário pelo perfil econômico e otimização de espaços disponíveis, além de fornecerem praticidade à rotina.

Pensado e desenvolvido para atender com eficácia às necessidades dos mais diferentes perfis, um apartamento com menores metragens é uma tendência muito bem-sucedida que veio para preencher uma lacuna no mercado imobiliário de imóveis menores na metragem e nos valores de comercialização, sem deixar de oferecer o conforto e a qualidade que um lar merece.

Diversas foram as mudanças demográficas e no comportamento das pessoas, o que fez com que os consumidores preferissem morar em espaços menores. Segundo o IBGE, na última década houve um aumento do número de brasileiros que moram sozinhos e uma diminuição no tamanho das famílias. Com isso, optar por viver em apartamentos menores foi a melhor solução, principalmente para pessoas solteiras ou casadas, mas que não possuem filhos. Outro motivo está relacionado a praticidade que um imóvel desse tipo proporciona: demanda menos trabalho de manutenção e limpeza. Dessa forma, para atender esse consumidor, as construtoras têm investindo cada vez mais em unidades com até 45 metros quadrados.

Para tornar mais funcional e atrativo o imóvel, muitas construtoras buscam compensar o pequeno espaço da residência com uma área comum cheia de mimos e de serviços semelhantes aos oferecidos por hotéis. É possível encontrar condomínios que oferecem espaço de coworking, lavanderia completa academia, piscina e área de lazer. Além de proporcionar uma maior qualidade de vida, essas áreas proporcionam comodidade ao morador, sendo bem vista por quem viaja muito ou possui uma rotina agitada. Essa exigência foi atendida com a chegada dos condomínios-clubes, que oferecem infraestrutura de lazer e praticidade, fazendo com que o compacto não perca em uma disputa entre casa e apartamento antigo.

Uma residência com plantas menores possuem ainda outras vantagens:

O preço reduzido

Teoricamente, quanto menor o imóvel, mais barato ele sai. Mesmo que este apartamento esteja em um condomínio-clube com uma grande infraestrutura de lazer. A proposta das plantas compactas é justamente oferecer tudo o que é necessário numa moradia, mas com valores mais acessíveis.

 

Melhor localização

Como as residências com plantas menores são, relativamente, novas no mercado imobiliário, tendem a estar mais bem localizadas, algo que o público entusiasta desse modelo de moradia não abre mão. Geralmente instalados em condomínios modernos, estes imóveis possuem uma melhor localização e, a boa localização é um diferencial ainda mais vantajoso porque mantém o fácil acesso a atividades de esporte, ao lazer e também á outras funcionalidades do dia a dia como supermercado, farmácia, centros comerciais, transporte público, entre outros.

 

Mais praticidade

A praticidade é a maior característica dos imóveis menores, com o tempo cada vez mais escasso, ter uma vida mais prática tem se tornado tendência. Suas plantas já são pensadas considerando uma rotina do lar mais dinâmica. Os espaços, além de úteis, são feitos na medida certa para manter limpeza e organização

 

Modernidade

Por serem imóveis mais novos, tendem a ser também mais modernos. Por isso, são raros os possíveis problemas com a manutenção do imóvel e das áreas comuns, afinal se trata de apartamentos em residenciais com completa infraestrutura. Essa modernidade também inclui a segurança do condomínio, item de muita importância no que diz respeito a morar bem. O sistema de monitoramento e vigilância dos condomínios se renovam com frequência e quanto mais novo e atualizado, melhor.

 

Ficou no passado a ideia de que imóveis maiores e com muitas áreas comuns são os mais desejados do mercado imobiliário. O comportamento, bem como a rotina, das pessoas mudou bastante nos últimos anos. Para acompanhar essa mudança, a tendência agora são imóveis mais compactos, com serviços oferecidos em um só lugar e, claro, melhor localização. Os imóveis compactos têm a grande vantagem de terem um custo benefício mais baixo, sendo um excelente investimento para quem quer construir um patrimônio com maior liquidez ou, até mesmo, para quem pretende morar próximo ao trabalho.

São muitos os fatores que contribuíram para esta mudança no comportamento do consumidor, as pessoas têm buscado investir em outras experiências como viajar e conhecer outros lugares. Viver em um apartamento compacto pode ser um ótimo estilo de vida, se tornando ideal para pessoas solteiras, muitos recém-casados, profissionais que desejam morar mais próximo do trabalho e pessoas com a rotina agitada.